sábado, 7 de dezembro de 2013

Rabanadas do Convento (Braga)

Estas rabanadas, oriundas do antigo Mosteiro de Adaúfe, em Braga, caracterizam-se por serem fritas na calda que as envolve e não em óleo. Esta calda, além do açúcar, é feita com mel, limão, canela e vinho do Porto, deixando as rabanadas aromáticas e fofas. Deliciosas!

Ingredientes:


Para as rabanadas
1 pão tipo cacete com 2 dias
12 gemas
700 g de açúcar
água q.b.

Para a calda
1 colher (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de mel
1 pau de canela
1 pitada de sal
2 cálices de vinho do Porto
2 tiras de casca de limão
200 ml de água
300 g de açúcar
                                        
Modo de Preparação
Corte o pão em fatias com 1 dedo de espessura.Faça uma calda pouco espessa com a água, o açúcar, o pau de canela, as cascas de limão, a manteiga, o mel e o sal. Retire do lume, junte 1 cálice de vinho do Porto e deixe arrefecer. Entretanto, bata as gemas num prato. Leve o restante açúcar ao lume com água, numa frigideira, e deixe ferver até obter um ponto fraco.
Passe as fatias de pão pela calda, depois pelas gemas e frite-as, uma de cada vez, na calda que está a ferver.
À medida que vão fritando, coloque as rabanadas em travessas fundas ou taças.
Terminado este processo, regue as rabanadas com a calda da fritura, na qual terá juntado o outro cálice de vinho do Porto. Note que a calda terá farrapos de ovos, o que dá um aspeto característico às rabanadas.

http://www.docesregionais.com/rabanadas-do-convento-braga/